top of page

Halloween: a tradição que diverte as crianças invade os condomínios pelo interior de SP


Ainda dá tempo de deixar sua casa pronta para o Halloween, nem que seja para contentar as crianças aflitas pela farta distribuição de doces e guloseimas no dia 31 de outubro!


No Brasil a movimentação em geral ainda é discreta, mas, principalmente nos condomínios fechados de casas pelo interior de São Paulo, a tradição tem feito parte da rotina e muitos enfeitam as residências e saem com as crianças pelas ruas para curtir a noite mais assustadora do ano.


A celebração do Halloween é tradicional na maioria dos países anglo-saxões, ou seja, de língua inglesa.


Ao que tudo indica, tudo teve início na Europa, com o povo celta, que usava vegetais para criar lanternas, com o objetivo de espantar os espíritos dos mortos.


Os irlandeses, que imigraram em massa aos Estados Unidos desde o século XVIII, levaram a tradição à América, e atualmente o maior Halloween do mundo é o americano, e a mais difundida das brincadeiras na celebração é o “trick or treat” (doces ou travessuras), quando as crianças vão às casas na vizinhança pedir por guloseimas, em troca de não receber alguma traquinagem.


A entrada da data no calendário nacional está muito ligada à popularização de escolas de língua inglesa, que a usam como prática didática, em mercado de constante expansão. No Brasil, o dia 31 de outubro é o dia da figura folclórica do Saci Pererê, que também é normalmente celebrado nas escolas.


E, se você tem vontade de deixar a sua casa no clima, reunimos algumas ideias básicas e no estilo mais “faça você mesmo” para te ajudar na decoração, com opções fáceis para ambientes tanto internos quanto externos. Veja só:


- guirlanda para porta feita com cobras de plástico;


- cadeira fantasma num piscar de olhos com um lençol branco e uma cadeira de jantar redonda: faça um recorte para os olhos ou cole um outro tecido no lugar;


- simples potes de vidro com papel de seda laranja dentro podem se transformar em luminárias abóboras;


- maçãs esvaziadas por dentro também podem se transformar em luminárias ou castiçais interessantes;


- brincar em família e tentar criar um espantalho para ser colocado no jardim de entrada também pode render uma boa diversão;


- criar lanternas de chapéu de bruxa penduradas na varanda também é muito simples e trará aquela sensação de que as bruxas estão levitando no seu quintal;


- se não tiver aquelas abóboras clássicas, pegue outros legumes ou até abóboras brasileiras e pinte-as com tinta spray de cores bem variadas. Certamente serão uma grande atração!


- aquelas garrafas de vinho que estão encostadas sem utilidade podem se transformar em castiçais horripilantes com design de teia de aranha ou de rostos fantasmagóricos...


Agora é sua vez de colocar sua criatividade à prova e enfeitar a casa para a bruxa e as crianças que logo vão chegar!!!


Fotos: Mike Garten



Fotos: Rebecca Greenfield



Foto: The House that Lars Built



Foto: John Kernick



Foto: Maya23k



Fotos: John Kernick for Country Living | Polkadot Chair


Foto: Danielle Occhiogrosso



Foto: Mark Lund



Fotos: Steve Girald



Foto: Aostar



Foto: Antonis Achilleos



Foto: Country Living


Foto: Woman´s Day

Foto: Woman´s Day Staff



Foto: Kate Sears



Está procurando um imóvel de alto padrão para compra no litoral ou interior de SP? Que tal uma busca sob medida? A MIIRA pode te ajudar!



Comments


bottom of page